Menu Principal

Enquete

O que você gostou mais no site?
 
APOIO
Prefeitura Municipal de Guaíba
 
O TRIBUTO

ImageNo dia 16 de dezembro de 1985, o Rio Grande do Sul ficou mais triste. Nesta data faleceu Carlos Nobre, o grande humorista guaibense (com muito orgulho), cidadão emérito de Porto Alegre, que fez os gaúchos lerem jornais de trás para diante durante três décadas, comentando os fatos do cotidiano sempre com muita graça e coragem. Inesquecível!

Carlos Nobre contraria a regra de que todo mundo é substituível. Sua coluna de humor diário na penúltima página do jornal Zero Hora, seu último trabalho, era a primeira e a mais procurada pelos leitores, fato mantido até hoje através de seu sucessor, o talentoso Paulo Sant`Anna, um cronista do cotidiano, mas não um humorista de carteirinha. Afinal, nem Carlos Nobre soube explicar de onde tirou o dom mágico de gerar risos diariamente de uma forma sutil, crítica e inteligente. Por isso, a família resolveu fazer este tributo ao cronista, marido, pai, avô e sogro, José Evaristo Villalobos Júnior - Carlos Nobre, no ano que marcou os 25 anos de sua ausência. Reunimos suas colunas (Última Hora, Zero Hora e Folha da Tarde), fotos, vídeo, livros e música em sua página para que os leitores o relembrem. Agradecemos, em especial, ao criador do site (Guaíba Telecom) e a Prefeitura de Guaíba (Secretaria de Desporto, Turismo e Cultura) que garantiram apoio total. Quem viu, veja de novo. Quem não viu, aproveite esta grande oportunidade!

 Virgínia Villalobos (Viúva - Em Memória), José Evaristo Villalobos e Marco Antônio Villalobos (Filhos), Clarissa End Villalobos e Tânia Aguilar Villalobos (Noras), Bibiana Villalobos, Leonardo Villalobos e Rodrigo Villalobos (Netos).

 
Depoimentos
ImageÉ difícil para mim sintetizar em uma ou duas frases o que Nobre representou para nós que o amamos tanto, mas de uma coisa tenho certeza: Ele cumpriu com sua missão; transmitir alegria a quantos o conheceram”.
Virgínia Villalobos, viúva de Carlos Nobre.

Meu pai, meu amigo, foi embora. Um amigo é um ser maravilhoso em quem pensar”.
José Evaristo Villalobos Neto, filho de Carlos Nobre.

Sinto que a graça de meu pai continua viva no sorriso e na alegria de meus filhos”.
Marco Antônio Villalobos, filho de Carlos Nobre.

"Meu avô foi uma pessoa definitivamente especial que deixou um grande legado em todos os sentidos".
Leonardo Aguilar Villalobos, neto de Carlos Nobre.

 
Som e Vídeo

ImageAssista o vídeo O Poeta do Riso
produzido pela ULBRA TV.


ImageConfira a grande homenagem do carnaval de 1988
realizada pela escola Império da Zona Norte.
 
Terra é Guaíba

ImageA maior emoção que eu tive na vida foi nascer, embora não me recorde. Aconteci na rua São José, Guaíba, numa amena tarde de abril. Como percebem, já fui diferente: as  maioria das crianças nascem à noite. Poucos anos depois, diziam os parentes que tinha sido que a cegonha que me trouxera pelo bico. Depois, entretanto, soube que fui assistido pelo bom dr. Gastão Leão que me deu a primeira palmada e com isso abri o tarro para a vida.

Nunca mais calei a boca.

 
Design by Tagline.net